Vicente Celestino Baixar Músicas

Vicente Celestino

Velha Guarda

875 views
Compartilhe Agora:

foto de Vicente Celestino

Antônio Vicente Filipe Celestino (Rio de Janeiro, 12 de setembro de 1894 — São Paulo, 23 de agosto de 1968) foi um dos mais importantes cantores brasileiros do século XX. Nasceu no bairro de Santa Teresa, filho de italianos da Calábria. Dos seis homens (eram onze irmãos), cinco dedicaram-se ao canto e um ao teatro. Desde os 8 anos, por causa de sua origem humilde, Celestino teve de trabalhar: sapateiro, vendedor de peixe, jornaleiro e, já rapaz, chefe de seção numa indústria de calçados. Começou cantando para conhecidos e era fã de Enrico Caruso. Antes do teatro cantava muito em festas, serenatas e chopes-cantantes. Estreou profissionalmente cantando a valsa Flor do Mal no Teatro São José e fez muito sucesso e também entrou no seu primeiro disco vendendo milhares de cópias em 1916 na Odeon (Casa Edison). Em 1920 montou uma companhia de operetas, mas sem nunca deixar o carnavalesco de lado, emplacando sucessos como 'Urubu Subiu'. Rapidamente, depois de oportunidade no teatro, alcançou renome. Formou companhias de revistas e operetas com atrizes-cantoras, primeiro com Laís Areda e depois com Carmen Dora. As excursões pelo Brasil renderam-lhe muito dinheiro e só fizeram aumentar sua popularidade. Nos anos 20, reinava absoluto como ídolo da canção. Na década de 30 começou a demonstrar seus dotes como compositor resultando em clássicas de seu reportório, como 'O Ébrio', sua música mais lembrada até hoje (inclusive transformada em filme por sua esposa). Vicente Celestino teve uma das mais longas carreiras entre os cantores brasileiros. Quando morreu, às vésperas dos 74 anos, no Hotel Normandie, em São Paulo, estava de saída para um show com Caetano Veloso e Gilberto Gil, que seria gravado para um programa de televisão. Na fase mecânica de gravação, fez cerca de 28 discos com 52 canções. Com a gravação elétrica, em 1927, sentiu uma certa inaptação quanto ao rendimento técnico, logo superada. Aí recomeçaria os sucessos cantados em todo o Brasil. Em 1935 foi contratado pela RCA VICTOR, praticamente daí sua única gravadora até falecer. No total, gravou em 78 RPM cerca de 137 discos com 265 músicas, mais dez compactos e 31 LPs, nestes também incluídas reedições dos 78 RPM. Vicente Celestino, que tocava violão e piano, foi o compositor inspirado de muitas das suas criações. Duas delas dariam o tema, mais tarde, para dois filmes de enorme público: "O Ébrio" (1946) e "Coração Materno" (1951). Neles Vicente foi dirigido por sua mulher Gilda Abreu (1904 - 1979), cantora, escritora, atriz e cineasta. O incrível Vicente Celestino passaria incólume e imperturbável por todas as fases e modismos, mesmo quando, no final dos anos 50, fiel ao seu estilo, gravou "Conceição", "Creio em Ti" e "Se Todos Fossem Iguais a Você". Seu eterno arrebatamento, paixão e inigualável voz de tenor, fizeram com que o povo o elegesse como A Voz Orgulho do Brasil. Nunca saiu do Brasil e manteve sua voz grave que era marca registrada independente do estilo musical que estava executando. Teve suas músicas regravadas por grandes nomes, como Caetano Veloso e Mutantes. Sucessos * À Luz do Luar, de sua autoria (1928) * Ai, Ioiô (Linda Flor), Cândido Costa e Henrique Vogeler * Bem-Te-Vi, Melo Morais Filho e Emílio Pestana (1928) * Caiuby (Canção da Cabocla Bonita), Pedro de Sá Pereira (1923) * Coração Materno, de sua autoria (1937) * Dileta, Índio (1933) * Flor do Mal, Domingos Correia e Santos Coelho (1915) * Malandragem, Ari Barroso (1933) * Mia Gioconda, de sua autoria (1946) * Nênias, Índio (1929) * Noite Cheia de Estrelas, Índio (1932) * O Cigano, Gastão Barroso e Marcelo Tupinambá (1924) * O Ébrio, de sua autoria (1936) * Ontem ao Luar, Catulo da Paixão Cearense e Pedro de Alcântara (1918) * Ouvindo-Te, de sua autoria (c/Gilda de Abreu; 1935) * Patativa, de sua autoria (1937) * Porta Aberta, de sua autoria (1946) * Serenata, de sua autoria (1940) * Urubu Subiu, autor desconhecido (c/Bahiano; 1917)

Se você encontrou alguma informação errada ou poderia melhorar essa página sobre Vicente Celestino fale agora mesmo com a gente!

Faltando alguma coisa aqui? Mande mais fotos de Vicente Celestino para gente!

TODOAS AS MÚSICAS
  1. ...E Há Muita Gente Por Aí Que Sabe

    118 views
  2. ...E Nada Mais!...

    110 views
  3. A Casinha da Colina

    37 views
  4. À Luz do Luar

    115 views
  5. À Margem do Igarapé

    72 views
  6. Abismo de Amor

    48 views
  7. Adeus, Ó Terra em que Nasci

    67 views
  8. Altivez

    47 views
  9. Amo-te

    54 views
  10. Ave Maria

    154 views
  11. Boulevard Dos Sonhos Desfeitos

    209 views
  12. Casinha da colina

    176 views
  13. Castelo de Areia

    181 views
  14. Cinzas

    141 views
  15. Cinzas de Amor

    54 views
  16. Cinzas no Coração

    141 views
  17. Clélia

    126 views
  18. Conceição

    120 views
  19. Coração Materno

    324 views
  20. Creio em ti

    106 views
  21. Dileta

    145 views
  22. E foi assim

    146 views
  23. Esquecimento

    104 views
  24. Fidelidade

    48 views
  25. Flor do mal

    114 views
  26. Folhas ao vento

    57 views
  27. Gondoleiro Do Amor

    125 views
  28. Granada

    55 views
  29. História Complicada

    122 views
  30. Iara (Rasga o Coração)

    153 views
  31. Ilusão de Garoto

    111 views
  32. Impiedosa

    56 views
  33. Infeliz Amor

    118 views
  34. João e Maria

    57 views
  35. Julieta

    50 views
  36. Manolita (as Cartas Não Mentem Jamais)

    120 views
  37. Mãos Que Falam

    125 views
  38. Maria da Glória

    145 views
  39. Matei

    68 views
  40. Medrosa

    105 views
  41. Meu Amor

    175 views
  42. Meu Brasil

    249 views
  43. Mia Gioconda

    256 views
  44. Monólogo Da Música o Ébrio

    147 views
  45. Na Casa Branca da Serra

    135 views
  46. Nas Asas Brancas da Saudade

    135 views
  47. Nênias

    124 views
  48. Nervos de Aço

    161 views
  49. Noite de amor

    170 views
  50. Nosso Amor

    60 views
  51. O Cigano

    200 views
  52. O Despertar da Montanha

    135 views
  53. O Sertanejo Enamorado

    132 views
  54. Ontem Ao Luar

    125 views
  55. Passou-se O Tempo

    151 views
  56. Patativa

    255 views
  57. Porta Aberta

    60 views
  58. Primeiro Amor

    126 views
  59. Quando te vi

    146 views
  60. Quem Sabe

    64 views
  61. Quero Voltar

    133 views
  62. Rasga o coração

    44 views
  63. Rasguei o seu Retrato

    55 views
  64. Renuncia em prantos

    113 views
  65. Samba Enciumado

    91 views
  66. Santa

    59 views
  67. Saudade

    53 views
  68. Se Ela Voltasse

    110 views
  69. Serenata

    176 views
  70. Solidão

    108 views
  71. Talento E Formosura

    138 views
  72. Vingança

    114 views
  73. Voltaste

    108 views

Envie mais letras de Vicente Celestino

>