Nora Ney

Velha Guarda

188 views
Compartilhe:

foto de Nora Ney

Nora Ney, nome artístico de Iracema de Sousa Ferreira, (Rio de Janeiro, 23 de março de 1922 — Rio de Janeiro, 28 de outubro de 2003) foi uma cantora brasileira. Aprendeu a tocar violão sozinha e, para incentivá-la, seu pai a presenteou com o instrumento. Familiarizava-se com o mundo da música frequentando assiduamente programas de rádio e de auditório. Ao lado de Maysa Matarazzo, Ângela Maria e Dolores Duran, consagrou-se como a maior intérprete do gênero samba-canção (surgido na década de 30). O gênero, comparado ao bolero [1], pela exaltação do tema amor-romântico ou pelo sofrimento de um amor não realizado, foi chamado de dor-de-cotovelo ou fossa. O samba-canção antecedeu o movimento da bossa nova (surgido ao final da década de 60, 1957). Mas este último representou um refinamento e uma maior leveza nas melodias e interpretações em detrimento do drama e das melodias ressentidas, da dor-de-cotovelo, da melancolia e da euforia do amor. Com um timbre grave, começou a carreira em 1950 e em 1953 já era uma das grandes divas do rádio, interpretando Dorival Caymmi, Noel Rosa, Ary Barroso, entre outros. Em 1952 gravou pela Continental seu primeiro LP, Menino Grande. Dentre as curiosidades de sua vida pública estão um segundo casamento com o cantor Jorge Goulart; a filha, fruto dessa união, Vera Lúcia, se tornou Miss Brasil em 1963. Devido à atuação política de Goulart no Partido Comunista, teve que se auto exilar depois do Golpe de 1964. Discografia * Menino grande/Quanto tempo faz (1952) Continental 78 * Amor, meu grande amor/Ninguém me ama (1952) Continental 78 * Luzes da ribaltaFelicidade (1953) Todamérica 78 * De cigarro em cigarro/Onde anda você (1953) Continental 78 * Índia/Preconceito (1953) Continental 78 * Bar da noite/É tão gostoso seu moço (1953) Continental 78 * Deixa-me (1953) Continental 78 * Que saudade é esta/Canção de Portugal (1954) Continental 78 * Que saudade é esta/Canção de Portugal (1954) Continental 78 * Aves daninhas/O que foi que eu fiz (1954) Continental 78 * Duas lacraias/Solidão (1954) Continental 78 * Gosto, gosto de você/Não diga não (1955) Continental 78 * Vou de tamanco/Se a saudade me apertar... (1955) Continental 78 * Madrugada, três e cinco/Vamos falar de saudade (1955) Continental 78 * Doce mãezinha/Ó meu papai (1955) Continental 78 * O morro/Dois tristonhos (1955) Continental 78 * Ronda das horas/Ciuminho grande (1955) Continental 78 * Por que choras?/Meu lamento (1955) Continental 78 * Quatro motivos/Sem ninguém (1955) Todamérica 78 * Palavra de rei (1955) Todamérica 5593 * Canta Nora Ney (1955) Continental LP * Eu ri de choar/Quando o amor vai embora (1956) Continental 78 * Só louco/Não há mais segredo (1956) Continental 78 * Rififi/Eu vivo tão só (1956) Continental 78 * Se o negócio é sofrer/Não vou chorar (1957) Continental 78 * Franqueza/Eu e Deus (1957) Continental 78 * Saudade da Bahia/Chove lá fora (1957) Continental 78 * São dois loucos/Eu sofro tanto (1957) Continental 78 * Duas notas, nada mais/Quem é ela? (1958) Continental 78 * Vai, mas vai mesmo/Castigo (1958) RCA Victor 78 * Solidão/Pra falar com meus botões (1958) RCA Victor 78 * Nora Ney (1958) RCA Victor LP * Sorria/Muito agradecida (1959) RCA Victor 78 * Meu amor não me deixou/Canção do mal que faz bem (1959) RCA Victor 78 * Razões/Duas almas (1959) RCA Victor 78 * Você nasceu pro mal/Teleco teco nº 2 (1960) RCA Victor 78 * Mentira/Saudade mentirosa (1960) RCA Victor 78 * Ninguém me ama (1960) RCA Victor LP * Desencontro/Pra que voltar? (1961) Continental 78 * João da Silva/E a vida continua... (1962) Mocambo 78 * Mundo diferente/Hora final (1963) Mocambo 78 * Mudando de conversa (1968) LP * Tire seu sorriso do caminho, que eu quero passar com a minha dor (1972) Som Livre LP * Jubileu de prata - Nora Ney e Jorge Goulart (1977) Som Livre LP * Meu cantar é tempestade de saudade (1987) 3M LP * As eternas cantoras do rádio (1991) CID CD * Nora Ney (1993) BMG CD * Mestres da MPB - Nora Ney (1994) CD * Acervo especial - Nora Ney (1994) * A música brasileira deste século por seus autores e intérpretes (2000) CD * Amor, meu grande amor - Nora Ney e Jorge Goulart (2000) Revivendo CD

Se você encontrou alguma informação errada ou poderia melhorar essa página sobre Nora Ney fale agora mesmo com a gente!

Faltando alguma coisa aqui? Mande mais fotos de Nora Ney para gente!